Kristen Stewart para Elle, Cara Delevingne para a Vogue, já as cantoras brasileiras…

Que a atriz Kristen Stewart estava se relacionando com mulheres já sabíamos. Agora finalmente ela fala sobre o assunto com tranquilidade, mesma atitude que tomou Cara Delevingne há um ano. As especulações que Cara estava namorando mulheres começou com sua amizade com Rita Ora entre 2012 e 2013. Em julho de 2015 Cara revelou mais sobre seu namoro com a cantora St. Vicente para a Vogue americana que começou no final de 2014, mesmo ano que namorou a atriz Michelle Rodriguez. Um ano depois Kristen fez o mesmo para a Elle britânica de setembro revelando seu amor a Alicia Cargile. Nesse meio tempo foi fotografada namorando a cantora e atriz francesa Soko e Stella Maxwell, ex de Miley Cyrus.

Cara Delevingne

Vogue americana, julho de 2015

Vogue americana, julho de 2015

“Acho que estar apaixonada pela minha namorada é um dos maiores motivos pelos quais estou me sentindo tão feliz com quem eu sou hoje em dia”, afirmou. “E é realmente um milagre que essas palavras tenham saído da minha boca.”

“Levou muito tempo para eu aceitar a ideia, até que, aos 20 anos, eu me apaixonasse por uma garota e reconhecesse que eu tinha de aceitar isso”,

“Mas é só com homens que eu tenho sonhos eróticos. Tive um duas noites atrás em que fui para o banco de trás de uma van com um cara, e tinha um monte de amigos dele ali, e eu praticamente pulei sobre ele.”

“As mulheres são o que me inspira completamente, e elas também têm sido o que me jogou para baixo. Apenas as mulheres me feriram, a começar pela minha mãe.”

“Se um dia eu encontrar um cara por quem me apaixone, gostaria de me casar e de ter filhos. Isso me assusta mortalmente, porque acho que sou bem louca, e eu sempre fico preocupada de o cara cair fora uma vez que ele realmente me conhecer de verdade.”

Saudades desse casal

Saudades desse casal

Para o jornal The New York Times, a modelo britânica se defendeu de algumas pessoas que dentro da própria Vogue falaram que sua bissexualidade seria apenas uma fase temporária.

“Minha sexualidade não é uma fase. Eu sou quem eu sou”, afirmou ela.

Após a publicação, a ativista Julie Rodriguez, criou uma petição, que já está com mais de 21 mil assinaturas, pedindo para que a editora-chefe da Vogue, Anna Wintout, se retrate com a comunidade LGBT, pois a matéria teria reforçado estereótipos.

Durante a resposta a toda essa polêmica, Cara afirmou que ficou lisonjeada com a petição e as pessoas que saíram em sua defesa, mas acredita que não houve maldade por parte do autor.

Vogue UK setembro de 2016

Vogue UK setembro de 2016

Ainda revelou à “Vogue UK setembro de 2016” que está mais apaixonada do que nunca — e ainda comentou a sua sexualidade. Atualmente comprometida com a cantora St. Vincent, ela também já namorou meninos.

“Estou obviamente apaixonada, então se as pessoas quiserem me chamar de gay, ótimo. Os pais dela (St Vincent) têm nos apoiado tanto. Mas somos todos líquidos — nós mudamos, crescemos”, comentou a atriz de 23 anos, que ainda revelou como mudou sua própria postura ao longo dos anos em relação à sexualidade.

“Quando era criança, usava gay como se fosse uma palavra ruim, como em ‘isso é tão gay’. Todos os meus amigos faziam isso”, admitiu ela, que não deixou de destacar o amor que sente por St. Vincent.

“Estou completamente apaixonada… Antes, nem sabia o que era amor — amor de verdade. Eu não entendia a profundidade da coisa. Eu sempre pensei que era você contra o mundo. Agora eu sei que o sentido da vida é o amor. Seja amor por você, pelo mundo ou pelo seu parceiro”, contou.

The chameleonic Cara Delevingne is more than just a series of pretty faces

Detector de mamilos?

Além de vaginas serem incríveis, Cara ainda tem um “detector de mamilos”.

“Eu aposto que qualquer um que esteja com uma camiseta, eu consigo achar o mamilo – na hora! Eu tenho tipo um detector de mamilo”, diz ela.

A atriz então foi desafiada por suas colegas e fez o teste não somente nos seios da Margot Robbie e da Karen Fukuhara, elenco do filme Esquadrão suicida, como também no da jornalista que estava fazendo a entrevista com as musas do filme dos maiores vilões dos quadrinhos.

Durante uma entrevista à Vogue, perguntaram à modelo: “Se o Instagram fosse uma pessoa, o que lhe dirias?”. Ela respondeu: “Porque não posso mostrar os meus mamilos?”, rematou.

Na mesma conversa a modelo confessou que tem uma espécie de obsessão por mamilos e que mesmo com t-shirt ela consegue sempre “detetá-los”.

Kristen Stewart

Elle UK, setembro de 2016

Elle UK, setembro de 2016

“Estou tão apaixonada pela minha namorada. Nós brigamos e voltamos algumas vezes, mas agora é como se… Finalmente eu posso sentir de novo.”

“Quando saía com rapazes escondia tudo porque sentia que banalizavam tudo que tinha a ver com a minha vida privada e não gostava daquilo”, explicou. “Via que faziam quadrinhos sobre mim e pensava: ‘estão fazendo da minha relação algo que não é verdade. Não gosto disso”, acrescenta. No entanto, a grande mudança aconteceu quando teve seu primeiro encontro com uma mulher. “Mudou tudo quando comecei a sair com garotas. Percebi que se escondesse isso era como estar envergonhada do que tinha. Então comecei a me mostrar mais em público. Abri minha vida e sou muito mais feliz”, diz.

A primeira a confirmar a bissexualidade de Stewart foi sua própria mãe. “Por que não é aceitável que agora tenha uma namorada? Ela está feliz. É minha filha e sabe que vou aceitar suas escolhas. Conheci a nova namorada de Kristen e gostei dela”, disse Jules ao The Sunday Mirror.

“Por mais que eu queira me proteger, não quer dizer que preciso esconder”, conta. “Encontrei um lugar onde me sinto confortável.”

Já as cantoras brasileiras…

scary-masks

Categoria: Cunnilingues Sobre: LGBT, Gêneros, identidade sexual

Categoria: Cunnilingues
Sobre: LGBT, Gêneros, identidade sexual

Anúncios